Av. Professor Magalhaes Neto, 1856, sala 603, Caminho das Árvores, Salvador Bahia.

CEP: 41810-011

Telefone:  +55 71 ‭3042-2440 

Nossos Contatos:            comercial@letsgobahia.com.br            financeiro@letsgobahia.com.br               redacao@letsgobahia.com.br 

  • Branco Facebook Ícone

©2019 V2M Editora Ltda.

Timbrado-Baseforte.png

Mercado reduz projeção para 3,58% na inflação em 2020



O relatório Focus do Banco Central, divulgou nesta segunda-feira (13) que a mediana das projeções dos economistas do mercado para a inflação oficial em 2020 caiu de 3,60% para 3,58%.


Para 2021, o ponto-médio das expectativas para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) manteve-se em 3,75%.


Entre os economistas que mais acertam as previsões, os chamados Top 5, de médio prazo, a mediana para a inflação oficial permaneceu em 3,50% para 2020 e 3,75% para 2021. Já para os próximos 12 meses, a pesquisa indicou recuou, de 3,69% para 3,58%.


Na última sexta (10), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou que inflação oficial brasileira acelerou para 1,15% em dezembro, encerrando 2019 em 4,31%, acima da última pesquisa Focus para o período, que apontava mediana de 4,13%.


PIB


A mediana das projeções para o crescimento da economia brasileira em 2020 permaneceu em 2,30%, de acordo com o Focus. Para 2021, o ponto-médio das expectativas para o Produto Interno Bruto (PIB) do país também permaneceu inalterado, em 2,50%.


Dólar


A mediana das estimativas para o dólar no fim deste ano foi cortada de R$ 4,09 para R$ 4,04, segundo o Focus. Para 2021, o ponto-médio das projeções permaneceu em R$ 4,00.


Juros


Para a taxa básica de juros, a mediana das estimativas no fim de 2021 caiu de 6,50% ao ano para 6,25% ao ano entre os economistas do mercado e também entre os que mais acertam as previsões, os chamados Top 5, de médio prazo, segundo o Focus.