Fábio Assunção doará direitos de música a instituições beneficentes

Da Redação, com agências

Fábio Assunção se pronunciou, nesta terça-feira (22), a respeito a música que cita seu nome e o associam ao uso de drogas. Via Instagram, o artista fez menção à canção "Fábio Assunção", composta e interpretada pelo cantor Gabriel Bartz, e afirmou que, apesar de não pedir censura, acredita que deve haver respeito "a pessoas que têm problemas de adicção".


Em dezembro, o autor e o grupo baiano La Fúria divulgaram '"Fábio Assunção" com versos como "Hoje vou ficar loucão, não quero voltar para minha casa, não. Hoje eu vou virar o Fábio Assunção".


"Eu não pretendia tornar esse assunto público por vários motivos, mas a imprensa resolveu comentar e os meninos foram bem generosos fazendo o vídeo deles explicando nosso acordo sobre a música 'Fabio Assunção'“, disse.


Antes de qualquer coisa, eu preciso falar com as pessoas que passam pelo mesmo problema que eu. Eu não endosso, de maneira nenhuma, essa glamourização ou zoeira com a nossa dor. Minha preocupação é com quem sente na pele a dor de ser quem é. Com as suas famílias", completou.


Fábio Assunção continuou o depoimento explicando qual foi seu acordo com os autores da música e que os valores arrecadados serão doados a instituições de apoio a dependentes químicos:

Av. Professor Magalhaes Neto, 1856, sala 603, Caminho das Árvores, Salvador Bahia.

CEP: 41810-011

Telefone:  +55 71 ‭3042-2440 

Nossos Contatos:            comercial@letsgobahia.com.br            financeiro@letsgobahia.com.br               redacao@letsgobahia.com.br 

  • Branco Facebook Ícone

©2019 V2M Editora Ltda.

Timbrado-Baseforte.png